Uma grande parcela dos profissionais fica adstrita apenas aos ramos de atividade privada no momento de escolher sua especialização ou graduação. Porém, a Gestão Pública é um ramo bastante vantajoso e promissor para os juristas brasileiros.

O cenário atual do Brasil apresenta agitação, instabilidades e crises políticas e econômicas. Por essa razão, há na carência no país de bons gestores públicos, com conhecimentos técnicos para garantir uma administração eficiência e produtiva.

Essa é uma área em constante crescimento e que tem ganhado um elevado grau de atenção nos últimos anos. Na presente publicação, trazemos o conceito desse ramo e seus segmentos, como um curso na área ajuda na carreira, a importância de se atualizar no assunto, entre outros tópicos relevantes. Confira!

O que é a gestão pública e como é possível trabalhar na área?

A gestão pública consiste na administração efetiva dos recursos materiais e patrimoniais das organizações públicas. Ela é imprescindível para garantir a lucratividade das entidades, manter o crescimento das organizações, reduzir custos operacionais e controlar o fluxo de materiais.

O profissional que atua no ramo é conhecido como Gestor Público, e a ele compete administrar entidades governamentais de forma a assegurar os resultados desejados. Alguns exemplos de atividades rotineiras realizadas por esse profissional são:

  • controle de recursos humanos;
  • conservação de bens, recursos e patrimônios;
  • planejamento e gerenciamento projetos;
  • otimização de processos;
  • elaboração e administração de políticas públicas;
  • análises contratuais;
  • controle de orçamentos;
  • gestão de licitações;
  • assessoria aos políticos eleitos;
  • promover a competitividade das instituições;
  • coordenar equipes de trabalho;
  • avaliação de performance de instituições públicas e muito mais.

Todos os atos são realizados de forma ética, técnica e transparente. Ele também pode atuar em organizações privadas autônomas ou desenvolvidas com parceiras com o Estado. Veja abaixo uma breve explicação dos segmentos de atuação do ramo.

Política

A carreira política consiste no ato de se candidatar a algum cargo político, como vereador, prefeito, deputado, entre outros. O gestor público consegue se sobressair no ramo ao ter expertise na gerência dos recursos públicos.

Porém, é recomendado que o profissional amplie seus conhecimentos de história, direito, economia e sociologia para conduzir melhor sua campanha e seu governo.

Assessoria

Esse ramo consiste na assessoria aos candidatos por cargos políticos. É fundamental que os governantes como senadores, deputados, governadores tenham um profissional para realizar a organização de eventos, divulgar sua agenda etc.

O assessor especialista na gestão pública sabe como funciona a engrenagem governamental e, por essa razão, é uma peça fundamental para que o candidato consiga atingir seus objetivos em seu governo.

Consultoria

Também é possível atuar como consultor de órgãos públicos e empresas privadas que têm parcerias com o governo. Um exemplo é o auxílio no desenvolvimento e cumprimento de contratos públicos, que costumam ser repletos de cláusulas complexas.

ONGs

As Organizações Não Governamentais (ONGs) participam de projetos por meio de licitações e editais, o que torna o gestor público essencial para o desenvolvimento da entidade. Além disso, ele estreita as relações entre os representadores das ONGs e do Estado.

Concursos públicos

A gestão pública também torna o candidato mais capacitado para realizar qualquer concurso público, pois ele entende como funciona as pessoas jurídicas de direito público e aliará esse conhecimento com os demais exigidos pelo concurso.

Como o curso de gestão público ajuda na carreira executiva no setor público?

Estudar a gestão pública, bem como ter uma formação acadêmica, é essencial para qualquer um da área que deseja sucesso em sua carreira profissional. Entenda como o curso da disciplina auxiliará o desempenho na carreira.

Administração do Estado

O gestor atua diretamente nos cargos executivos, que são aqueles cuja finalidade é administrar diretamente o Estado. Ele conhece de forma aprofundada as normas e diretrizes da administração pública brasileira, como também compreende a complexidade das decisões administrações e sabe gerir equipes.

Isso permite a concretização de projetos governamentais, como também que as decisões sejam as mais benéficas e adequadas possíveis, sempre em conformidade com a lei, em benefício ao interesse público e observando a moralidade.

Licitações e contratos

As licitações, regidas pela Lei n.º 8.666/93, são procedimentos essencialmente complexos. Existem seis diferentes modalidades de licitações, cada uma adequado a cada tipo de obra e com seu próprio rito.

Além disso, os contratos administrativos não seguem somente a legislação civil, suas cláusulas são especiais e concedem à administração poderes extraordinários. Por isso sua elaboração pode ser bastante difícil para quem não é especialista.

Eis que o gestor público surge como uma figura fundamental para garantir que tudo seja finalizado com a devida transparência, moralidade, licitude, e que as partes não incorram em erros que gerem futuros problemas legais.

Direito administrativo

Essa é uma disciplina jurídica relacionada às leis e ordens que regem as atividades realizadas no serviço da administração pública. O papel do gestor aqui é zelar pelo cumprimento dos costumes, doutrina e preceitos normativos no seu trabalho.

Administração de material e patrimônio do Estado

Assim como uma empresa privada precisa de uma excelente administração para se desenvolver saudavelmente, é imprescindível que as entidades governamentais tenham o mesmo tratamento privilegiado.

O gestor público aplicará sua visão empreendedora e tentará efetivar o princípio da eficiência no seu trabalho. Ele prezará pela conservação do patrimônio público, pelo correto uso dos recursos, classificará os materiais, controlará estoque, entre outras ações que prezem pela redução de custos e aceleração da produtividade.

Qual é a importância de se atualizar constantemente?

O mercado está se tornando mais complexo e competitivo, o que torna imprescindível a atuação de profissionais com conhecimentos aprofundados na gestão. Entretanto, não é somente o setor privado que está se tornando mais acirrado.

Conforme o país se desenvolve e expande sua economia, ampliam-se as ONG, agências reguladoras e concursos públicos para cargos de gestores. Além das leis estarem em constantes mudanças e sempre surgirem técnicas de gestão mais eficazes.

Os servidores públicos, governantes, parceiros do Estado e gestores públicos devem sempre acompanhar as mudanças e o desenvolvimento do país para efetivar a legislação e o interesse público.

Como cursos de especializações na área podem ser interessantes?

A especialização na gestão pública se constitui um diferencial impactante para profissional atuante na área. Nela o profissional se atualiza sobre todas as atualidades no ramo público, incluindo mudanças legislativas, desenvolvimentos mais recentes da administração e técnicas de gestão avançadas.

O curso tem o objetivo de formar um profissional qualificado e competente para desenvolver atividades fundamentais com o objetivo de tornar a sociedade mais humana e justa. Ao concretizá-lo, ele dominará conhecimentos técnicos das normas, jurisprudências e doutrinas vinculadas ao direito administrativo.

Além disso, também terá em mãos as ferramentas necessárias para superar os desafios da Gestão Pública. Entre as disciplinas estudadas que concederão conhecido para isso estão:

  • estado, economia e tributação;
  • direito urbanístico, ambiental e gestão;
  • metodologia da pesquisa;
  • princípios e organização da administração pública;
  • atos administrativos e poderes administrativos;
  • gestão e RH;
  • planejamento e gestão;
  • controle e processo administrativo;
  • contatos, serviços e licitações.

A escolha pela gestão pública é ideal para o indivíduo que se preocupa com o bem-estar coletivo e deseja acompanhar tudo que acontece nas esfera política, econômica, social, ambiental e pública de nosso país.

Assine a nossa newsletter para receber informativos como este diretamente na sua caixa de entrada!

FMP - Fundação Escola Superior do Ministério Público
Autor

Somos a Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP), criada em 1983 por Promotores e Procuradores de Justiça do Estado do RS. Somos uma instituição de ensino privado com foco absoluto no Direito e especializada no ensino jurídico. Há mais de 35 anos preparamos e qualificamos estudantes e profissionais da área jurídica.

Escreva um comentário