O cinema influencia muitos aspectos da vida moderna como a moda, a música e muitas outras formas de expressão. Além disso, a sétima arte também é capaz de estimular o gosto por uma determinada profissão. Filmes que envolvem o Direito, por exemplo, fazem muito sucesso nas telas. Instigação, tribunal, vida no cárcere, entre várias outras histórias podem incentivar você a seguir nas profissões que o mundo jurídico engloba. 

Por isso, neste post, separamos 3 filmes sobre Direito que vão estimular você. Confira! 

Advogado do Diabo

Filme estadunidense de 1997, o Advogado do Diabo é um clássico do cinema. O filme é uma mistura de suspense, terror e drama, baseado no romance de Andrew Neiderman. Dirigido por Taylor Hackford, a trama conta com atuações magníficas de  grandes atores do cinema mundial: Al Pacino, Keanu Reeves e Charlize Theron.

No filme, um advogado renomado do interior dos Estados Unidos nunca havia perdido nenhum caso. Logo, é contratado pelo dono de um dos maiores escritórios de advocacia do país. A vida do advogado, interpretado por Keanu Reeves, muda completamente, pois passa a receber um alto salário, entre outras vantagens financeiras. 

Focado em trabalhar em um caso de grande repercussão, cujo réu é acusado de cometer triplo assassinato, o advogado, que mudou-se para Nova York com sua esposa, percebe um mundo no qual a ambição e o poder estão ligados a estranhas aparições demoníacas, e seu chefe passa a perturbá-lo de uma forma bizarra. 

Filadélfia 

Sem dúvida, um dos melhores filmes produzidos nos anos 90, Filadélfia rendeu ao ator Tom Hanks o Oscar de melhor ator. A produção, dirigida pelo prestigiado diretor Jonathan Demme, ainda contou com uma atuação incrível do ator americano Denzel Washington

O filme trata de dois assuntos muito polêmicos do final do século XX: a homossexualidade e o surgimento da AIDS. Na trama, Hanks dá vida a Andrew, um advogado promissor recém-contratado por um grande escritório de advocacia. Sem revelar sua sexualidade, ele descobre ser portador do vírus do HIV e logo apresenta sintomas da doença. 

Andrew, muito magro e doente, é demitido da empresa por preconceito, o que o faz ir em busca de justiça. Na tentativa de contratar um advogado para tratar do seu caso, no entanto, ele recebe inúmeras negativas de diversos profissionais. Joe, um advogado de pequenas causas e homofóbico, pega a causa de Andrew, e no desenrolar da trama, muda sua postura diante do preconceito. 

Um Contratempo 

Filme espanhol de 2016, Um Contratempo é daqueles suspenses de deixar qualquer pessoa nervosa. Dirigido por Oriol Paulo, a produção ainda conta com a participação dos atores Mario Casas, Bárbara Lennie e Ana Wagener. A comunicação, a argumentação e a perspicácia de uma das melhores advogadas da Espanha chama a atenção durante a trama. 

No enredo, Adrian é um rico e próspero empresário. Bem sucedido, ele tem uma vida de luxo, na qual a rotina com a esposa e o filho dá lugar a um relacionamento paralelo. Adrian, no entanto, acorda em um quarto de hotel, com sua amante morta no banheiro. Ele não lembra o que aconteceu na noite anterior, então recorre a uma das melhores advogadas do país para defendê-lo no caso e não desmanchar todo o seu império. 

A sétima arte, sem dúvida, tem muita influência na vida das pessoas. Com essas 3 dicas de filmes, você vai analisar, dentro do contexto de cada enredo, como é o dia a dia de um advogado, como é a comunicação com os clientes, como é a argumentação diante de um juiz, entre outros detalhes que só o cinema traz. Portanto, prepare a pipoca e se inspire! 

Gostou das nossas dicas? Acompanhe o blog da FMP e fique por dentro de mais conteúdos sobre Direito, educação e o mercado de trabalho! 

FMP - Fundação Escola Superior do Ministério Público
Autor

Somos a Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP), criada em 1983 por Promotores e Procuradores de Justiça do Estado do RS. Somos uma instituição de ensino privado com foco absoluto no Direito e especializada no ensino jurídico. Há mais de 35 anos preparamos e qualificamos estudantes e profissionais da área jurídica.

Escreva um comentário